0:00 min       EXCELSIOR     NOVELA
15:00 min    

WEBTVPLAY APRESENTA
EXCELSIOR
Novela escrita por
Débora Costa

Colaboração
Tainá Andaluz

Revisão de Texto
Cristina Ravela
Marcelo Delpkin

Direção
Wellyngton Vianna

Núcleo
Cyber TV

Personagens desse capítulo
Alicia
Amber
Arthur
Brenda
Demétrio
Eliza
Jaqueline
Lidiane
Margareth
Melanie
Norma
Peter
Renan
Sarah
Tadeu
Théo
William
Yorrane


© 2019, CyberTV.
Todos os direitos reservados.




Capítulo 15 de 30



Cena 1/Ext./Rua/Dia.
Brenda para o carro em frente ao restaurante de Lidiane.
YORRANE
Obrigada pela carona, Brenda.
BRENDA
(sorri) Não foi nada. Adorei te conhecer. Vamos marcar um dia para sairmos juntas.
YORRANE
Eu vou adorar.
THÉO
Até amanhã, meu amor.
Théo beija Yorrane, que desce do carro. Théo fica pensativo, um pouco triste.
BRENDA
O que foi, Théo?
THÉO
Minha mãe. Ela não aceita meu relacionamento com a Yorrane e nem que eu faça faculdade de gastronomia. Ela me bateu, Brenda. Me deu um tapa no rosto e veio até aqui dizer para Yorrane ficar longe de mim.
BRENDA
(chocada) Não acredito que a Jaque fez isso!
THÉO
Fez, Brenda. Eu queria conversar com ela, mas a Yorrane acha melhor evitar esse tipo de confronto.
BRENDA
É, ela tem razão mesmo. Conta comigo, Théo. Se quiser falar com a Jaque, te dou o maior apoio, fico do seu lado.
THÉO
(sorri) Obrigado, Brenda.
Théo beija o rosto de Brenda.
THÉO
Brenda, me deixa naquela praça que tem mais pra frente. Preciso comprar umas coisas no quiosque.
Brenda segue com o carro.
Cena 2/Ext./Praça/Dia.
Théo desce do carro de Brenda, que segue. Théo está caminhando, distraído, quando alguém passa uma rasteira nele, derrubando-o no chão. Ele bate a cabeça e fica um pouco tonto. Quatro homens o cercam. Demétrio se aproxima e coloca o pé em cima do peito de Théo.
DEMÉTRIO
Eu disse que a Yorrane é minha!
THÉO
(tenta se levantar) Precisa da gangue para me enfrentar?
Demétrio pisa mais forte no peito de Théo, para que ele não se levante.
DEMÉTRIO
Você precisa de uma lição, playboy. Dessa vez vai ser um aviso. Se não deixar a minha mulher em paz, a sua família vai rodar a cidade toda atrás das partes do seu corpo!
Demétrio chuta Théo, que tenta se levantar, mas não consegue, pois os quatro homens começam a chutá-lo. Demétrio dá socos no rosto de Théo, que já não consegue reagir, pois está fraco e muito ferido. Demétrio é quem mais bate em Théo. Quando ele percebe que Théo está desmaiado, sorri e faz um sinal para os outros pararem de bater em Théo.
DEMÉTRIO
(cansado) Agora não tem mais graça, ele apagou. Vamos embora. Espero que ele tenha entendido o recado.
Demétrio e os quatro homens abandonam Théo, ferido e desacordado.
Cena 3/Int./Mais Tarde – Mansão Blackwell/Sala/Noite.
Margareth, William, Melanie, Arthur e Tadeu estão indo para a sala de jantar. Alicia e Renan descem as escadas de mãos dadas, em um clima romântico.
MELANIE
Vocês não vão jantar conosco, meu amor?
Alicia segura o braço de Renan carinhosamente; sorri simpática.
ALICIA
Não, mamãe. Nós vamos jantar fora.
RENAN
E vou sequestrar sua filha. Só devolvo amanhã.
William não gosta. Alicia percebe e sorri gostando da reação dele.
ALICIA
(provocativa) É bom ela ir se acostumando, amor. Porque logo vamos nos casar. (beija Renan) Até amanhã, gente. Boa noite.
Alicia e Renan saem. William fica sério e pensativo e vai para a sala de jantar. Norma se aproxima.
NORMA
A dona Jaqueline está indisposta, não vai jantar.
ARTHUR
Eliza e Sarah estão aí?
NORMA
Elas preferem jantar na casa de hóspedes.
MARGARETH
Mas que bobagem. Elas devem jantar conosco.
MELANIE
Concordo, mamãe. Afinal elas fazem parte da família.
TADEU
Mas não é assim que a maioria pensa, Melanie.
ARTHUR
Vamos jantar, então. Amber disse que vem depois.
Arthur, Melanie, Tadeu, Margareth vão para a sala de jantar. O telefone toca, e Norma atende.
NORMA
Alô? (ouve a pessoa falar, fica preocupada) Que coisa horrível! Como ele está?
Amber desce as escadas. Observa Norma e presta atenção à conversa.
NORMA
Eu vou avisar a família, sim. Obrigada.
Norma desliga o telefone.
AMBER
O que aconteceu?
NORMA
Théo está gravemente ferido no hospital. Parece que ele foi assaltado.
Amber não esboça preocupação.
AMBER
Conto agora ou depois do jantar?
Brenda entra.
NORMA
Eu vou contar agora para a dona Jaqueline.
BRENDA
Gente, que caras são essas? Contar o quê?
AMBER
(tranquila) Théo foi assaltado e está gravemente ferido no hospital.
Brenda leva um susto; fica preocupada, aflita.
BRENDA
E você fala isso assim? Calma desse jeito?
AMBER
Queria que eu estivesse me descabelando?
NORMA
Com licença, vou avisar a dona Jaqueline.
Norma sobe as escadas, apressada. Arthur se aproxima.
ARTHUR
Vocês não vêm jantar?
BRENDA
(aflita) Papai, o Théo foi assaltado e está internado no hospital.
Arthur fica surpreso e assustado.
Cena 4/Int./Restaurante de Lidiane/Noite.
Yorrane e Lidiane estão limpando o restaurante. Demétrio se aproxima.
DEMÉTRIO
Oi, princesa!
YORRANE
Oi, o restaurante já fechou.
DEMÉTRIO
Eu sei. Preciso falar com você.
YORRANE
Estou ocupada.
DEMÉTRIO
Eu vi você com o playboy.
YORRANE
Théo e eu estamos namorando.
DEMÉTRIO
Você sabe que é minha. Lembra do aviso que te dei?
Lidiane se aproxima. Demétrio pega o celular, mostra para Yorrane uma foto de Théo muito ferido e desacordado. Yorrane, espantada, coloca a mão na boca e chora.
YORRANE
O que você fez com o Théo? Onde ele está?
LIDIANE
Isso é um absurdo! Você não tem o direito de machucar quem chega perto da minha filha! E nem de controlar a vida dela!
DEMÉTRIO
O playboy está vivo. Pelo menos estava quando larguei ele na praça. E da próxima vez que ver vocês juntos, eu vou matar esse filhinho de papai na sua frente.
Yorrane, desesperada, dá um tapa no rosto de Demétrio.
YORRANE
Me deixa em paz! Para de me ver como sua propriedade! Some da minha frente!
Demétrio sai dando risada, debochado. Yorrane chora inconsolável. Lidiane a abraça.
LIDIANE
Fica calma, meu amor.
YORRANE
Eu preciso ver o Théo, mamãe. Saber se ele está bem.
Lidiane fica pensativa.
LIDIANE
É melhor você esperar ele entrar em contato com você.
Yorrane se afasta, nervosa.
YORRANE
Não! Eu vou ver se consigo falar com a Brenda e saber como Théo está.
Yorrane sai. Lidiane se senta, pensativa.


LIDIANE
Não vai ter jeito. Yorrane vai conhecer a família dela...
Cena 5/Int./Mais Tarde - Apartamento de Renan/Sala/Noite.
Alicia e Renan estão sentados no sofá, se beijando.
RENAN
Te amo tanto, Alicia.
ALICIA
Também te amo, Renan.
RENAN
Não vejo a hora de estar casado com você, ter a nossa família.
ALICIA
(sorri carinhosa) Vai ser incrível, meu amor.
RENAN
Amanhã vou começar a trabalhar no grupo Blackwell. Estou muito empolgado com isso.
ALICIA
Seu pai aceitou sem reclamar?
RENAN
Ele está reclamando até agora, mas eu quero entrar no grupo Blackwell, afinal é o negócio da sua família.
ALICIA
Tenho certeza que meu tio William vai te receber muito bem.
RENAN
Tenho a impressão que ele não gosta de mim. Nunca trocamos mais que meia palavra.
ALICIA
(ri debochada) Impressão, meu amor. Esse é o jeito do tio William, é um homem muito sério.

RENAN
Espero que seja isso mesmo.
Alicia beija Renan.
ALICIA
Eu vou pegar vinho para nós.
Alicia se levanta e vai até a
COZINHA;
abre uma garrafa de vinho, pega duas taças. Sorri, maldosa. Abre o armário e pega um frasco de remédio que tinha escondido. Pinga muitas gotas no fundo de uma das taças. Esconde o frasco novamente e enche as taças com vinho.
ALICIA
Vamos ver a potência desse sonífero.
Cena 6/Int./Hospital/Recepção.
Jaqueline, Arthur, Margareth e Brenda entram. Jaqueline está aflita e se dirige ao balcão de atendimento.
JAQUELINE
Eu quero ver o meu filho, Théo Blackwell.
RECEPCIONISTA
Só um instante. Vou chamar o doutor que o atendeu.
A recepcionista pega o telefone. Jaqueline chora e abraça Arthur.
BRENDA
Jaqueline, é melhor você se acalmar.
O médico se aproxima.
ARTHUR
O que aconteceu com meu filho?
MÉDICO
Aparentemente foi assaltado. Um grupo de marginais o agrediu, segundo testemunhas.
MARGARETH
E como o Théo está?
MÉDICO
O estado dele exige cuidados. Ele sofreu fraturas no rosto, costelas e perdeu muito sangue. Precisa de transfusão, mas ainda não encontramos um doador.
ARTHUR
Eu doo sangue para o meu filho.
Jaqueline se preocupa, com medo.
JAQUELINE
Tenho certeza que logo vão encontrar um doador.
BRENDA
Papai está aqui, Jaqueline. Tenho certeza que ele pode doar sangue para o Théo e, se não puder, eu ajudo.
MARGARETH
Podemos ver o Théo?
MÉDICO
Podem, mas ele está sedado.
MARGARETH
Não tem problema. O importante é ver meu neto.
Cena 7/Int./Apartamento de Renan/Sala/Noite.
Renan está dormindo profundamente no sofá. Alicia o observa. Alguém bate à porta. Alicia sorri e abre para William; ela o puxa rapidamente para dentro e começa a beijar William.
ALICIA
Gostou da brincadeira?
WILLIAM
Esse pamonha está dormindo mesmo?
ALICIA
Como uma pedra. Podemos ficar aqui a noite toda, que ele nem vai perceber. Quer ver?

WILLIAM
E vamos transar aqui? Com ele ao lado?
ALICIA
Não. Vamos para o quarto, na cama dele.
Alicia sorri sexy, beija William.
ALICIA
(sussurra) Duvido Luiza te proporcionar isso. Ela nunca vai te dar o prazer que eu dou, my dear (meu querido).
William sorri safado, tira uma máscara sadô do bolso e mostra a Alicia.
WILLIAM
Hoje eu fico no comando... Vadia.
Alicia fica em êxtase. Começa a tirar a roupa lentamente. William coloca a máscara. Ele aponta para o chão, e Alicia fica de quatro. Ela o olha provocante e sexy.
WILLIAM
Eu quero que você, cadela, me leve até o quarto.
Alicia, sem se levantar, vai em direção ao quarto de Renan. William a segue.
Cena 8/Int./Mansão Blackwell/Sala/Noite.
Peter entra. Melanie desce as escadas e fica feliz ao ver Peter; ela o abraça.
MELANIE
Papai, que surpresa!
PETER
Acredito que só você irá me recepcionar assim, filha.
MELANIE
Você soube o que aconteceu com o Théo?
PETER
Não, o quê?
MELANIE
Parece que ele foi assaltado e agredido. Está internado no hospital.
Sarah entra e fica surpresa ao ver Peter, que a encara sério.
PETER
Então aquela cena toda de “não quero a herança do meu pai” não passou de um teatro. Agora você está aqui importunando a minha família.
Sarah e Peter se encaram.
Fim do Capítulo

Relacionados

0 comentários: